Projeto 1: Cilene Monteiro, São Paulo – SP

Muita gente pensa que papel de parede não combina com banheiros. O motivo é que os produtos convencionais não suportam o vapor quente emitido pelo chuveiro, assim como a presença constante de umidade. Contudo, é possível usar o artifício na decoração de banheiros e lavabos a partir de alguns truques. Confira!

Uma coisa precisa ser levada em conta por quem quer aplicar papel de parede no banheiro: a vida útil do produto é menor e por isso ele deve ser trocado com regularidade. “Hotéis da Europa e Estados Unidos usam este material em banheiros, pela facilidade de renovar sem entulho”, pontua a arquiteta Cilene Lupi.

Sem excessos

Lavar o papel de parede com água é proibido. A limpeza é feita com pano úmido torcido para tirar o pó e a umidade excessiva. “Em caso de manchas, use um detergente neutro com um pano macio branco, sem friccionar o local”, ensina Cilene.

Projeto 2: Juliana Vilela, Cuiabá – MT

Idealizado para uma adolescente, a decoração deste banheiro de Cuiabá (MT) tinha o objetivo de fugir do tradicional uso de revestimentos cerâmicos e garantir um ar despojado. “Usamos um papel de parede vinílico com estampas urbanas.  Apesar de ser estampado, suas cores branco e preto deram ao ambiente um toque sutil e ao mesmo tempo divertido”, resume a arquiteta Juliana Vilela.

Papel de parede no banheiro

Por ser o banheiro uma área molhada, é importante proteger o papel do contato direto com box, bancada do lavatório e piso. No projeto da arquiteta Juliana Vilela, por exemplo, o papel de parede vinílico foi deixado a 60cm do chão, formando uma espécie de rodapé.

Papel de parede no banheiro

Projeto 3: Juliana Vilela, São Paulo – SP

Algumas empresas que trabalham com impressão em materiais vinílicos podem produzir papéis de parede personalizados. Neste projeto da arquiteta Jóia Bergamo, de São Paulo (SP), a moradora ganhou um papel de parede floral exclusivo para ela.

Papel de parede no banheiro

Projeto 4: Achilles Fernandes, Manaus – AM

Por não ter a presença de chuveiro, o lavabo não sofre com vapor quente. Assim, o ambiente pode receber papéis de parede convencionais, desde que não haja contato direto com umidade. “Mas, por ser área onde se tem água, é interessante que o produto tenha uma porcentagem maior de polipropileno (plástico). Isso garante uma vida útil maior”, orienta Achilles Fernandes, arquiteto de Manaus (AM).

Papel de parede no banheiro

Preparação eficaz

Antes de aplicar o papel, a parede deve ser revestida com massa corrida ou gesso liso. Na sequência, ela é lixada e recebe uma demão de tinta pva, de preferência branca. Por fim, o uso da cola correta e um aplicador experiente evitam a formação de bolhas.

Papel de parede no banheiro

Texto Leonardo Valle/Colaborador
Fotos Martin Szmick, Alexandre Oliveira e Mauro Smith/Divulgação

 

FONTE: Revistacasalinda.uol.com.br

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

*