A hora é essa!

Trabalhador! Chegou a hora de definir o que vamos levar para a mesa de negociação. É mais uma Campanha Salarial que se aproxima. A elaboração da pauta de reivindicação, é o primeiro passo para uma Campanha vitoriosa.

Todos nós sabemos que será uma Campanha Salarial diferente, pois a Reforma Trabalhista trouxe muitas alterações. Além disso, temos também que lidar com todas as questões que diariamente assombram os trabalhadores, como por exemplo, a instabilidade econômica do país, o desemprego assustador (onde falta trabalho para 27,636 milhões de pessoas), e a incerteza do novo cenário político.

A diretoria do Sindicato segue com foco em seu objetivo, que é fortalecer as negociações coletivas e mobilizar, os trabalhadores, contra a retirada dos direitos.

Continuaremos lutando pela renovação e manutenção das Cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho, pois ela nos assegura a permanência dos direitos conquistados ao longo de todos estes anos. Pedimos a todos que fiquem atentos as assembleias, pois tem uma palavra que se chama ultratividade e isto nos preocupa muito. Se as negociações não forem feitas até 1º de novembro, a Convenção Coletiva pode estar em risco.

Precisamos estar preparados, mas de qualquer maneira para esta Campanha, temos que ter coragem e vontade de vencer.

Nossa união e vontade política na defesa dos trabalhadores, sempre será a nossa meta e o nosso objetivo.

 

Wagner da Silveira, Juca, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos de Piracicaba e região